Após aumento dos casos de Covid-19, Prefeitura de Curitiba reduz para 70% a capacidade máxima nos estádios

Até o próximo dia 20 os estádios de futebol de Curitiba não poderão ter mais de 70% do público. A prefeitura da cidade publicou um decreto em que reduz a capacidade máxima em eventos esportivos após um aumento expressivo nos casos diários de Covid-19 na capital. A informação foi revelada pelo ‘ge’.

“Considerando o aumento expressivo dos casos de covid-19 da variante ômicron e com a declaração de epidemia da Influenza A (H3N2) pela Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, nesta quarta-feira (12/1), Curitiba prorroga por mais sete dias a bandeira amarela, reduzindo a ocupação nos estabelecimentos a 70% de sua capacidade total como medida de cautela sanitária”, diz o decreto.

A restrição é válida para locais de comércio não essenciais, como academias de ginástica e demais espaços para práticas esportivas individuais e coletivas.

“Este novo decreto mantém as medidas de combate à pandemia adotadas desde o início de dezembro – como a obrigatoriedade do uso de máscara em espaços públicos ou de uso coletivo em Curitiba e a proibição de consumo de bebidas alcoólicas em via pública – e determina que a ocupação não deve ultrapassar 70% da capacidade de público prevista no Certificado de Licenciamento do Corpo de Bombeiros (CLCB)”, acrescenta o documento.

Crédito imagem: Roberto Souza/Athletico

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Nossa seleção de especialistas prepara você para o mercado de trabalho: pós-graduação CERS/Lei em Campo de Direito Desportivo. Inscreva-se!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.