Rodriguinho aciona Cruzeiro na Justiça para cobrar R$ 4,2 milhões em direitos de imagem

O meia Rodriguinho, atualmente no Bahia, foi à Justiça para cobrar do Cruzeiro cerca de R$ 4,16 milhões por direitos de imagem não pagos. De acordo com o ‘GE’, ação foi distribuída pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais na última sexta-feira (10).

Tudo começou quando o jogador rescindiu seu contrato com o Cruzeiro, em janeiro deste ano. Rodriguinho fez um acordo para que o clube mineiro pagasse valores que estavam atrasados.

Nesse acordo, ficou determinado que a Raposa teria que pagar R$ 2,08 milhões ao jogador, em 20 parcelas, com a primeira tendo vencimento em abril deste ano. No entanto, nenhuma delas foram pagas, motivando o meia a procurar a Justiça.

O documento prevê que se ocorresse atraso superior a 30 dias no pagamento das parcelas, o Cruzeiro seria multado em 100% do valor acordado. Dessa forma, a dívida que era de R$ 2,08 milhões dobrou e passou para R$ 4,16 milhões.

Vale lembrar que o Cruzeiro está sendo cobrado na FIFA pela contratação de Rodriguinho. Em janeiro de 2019, o clube celeste se comprometeu a pagar US$ 7 milhões ao Pyramids, do Egito, para contratar o jogador. Desse valor, somente US$ 1 milhão foi pago.

Com a camisa da Raposa, Rodriguinho disputou 22 partidas e marcou oito gols.

Crédito imagem: Cruzeiro

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.