STJD denuncia Hulk por falta em Atlético-MG x Coritiba e atacante pode virar desfalque no Brasileiro

A 3ª Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) denunciou o atacante Hulk, do Atlético-MG, por “agressão física” (art. 254-A do CBJD) ao atingir um adversário com um chute. O julgamento será no dia 18 de maio e o jogador pode pegar de 4 a 12 jogos de suspensão. A informação foi divulgada pelo ‘ge’.

Hulk foi enquadrado no art.254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que fala em “praticar agressão física” e prevê suspensão de quatro a doze partidas. No lance em questão, aos 22 minutos do segundo tempo, o atacante perdeu a disputa de bola e acabou acertando o volante Willian Farias, do Coritiba, com um chute.

Na súmula da partida, o juiz Savio Pereira Sampaio justificou o cartão amarelo apresentado ao jogador da seguinte maneira: “dar uma entrada contra um adversário de maneira temerária na disputa da bola”.

Caso seja condenado, Hulk poderá recorrer ao Pleno do STJD, última instância da Justiça Desportiva nacional.

Crédito imagem: Reprodução

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Nossa seleção de especialistas prepara você para o mercado de trabalho: pós-graduação CERS/Lei em Campo de Direito Desportivo. Inscreva-se!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.