Britânico se declara culpado por acidente de avião que vitimou Emiliano Sala

Iniciou-se nesta segunda-feira (18), em Cardiff, no País de Gales, o julgamento da queda do avião que vitimou o jogador argentino Emiliano Sala, em 2019. O britânico David Henderson, de 66 anos, se declarou culpado pelo acidente. A informação foi revelada pelo Diario AS.

Henderson se diz culpado na acusação de tentativa de liberar um passageiro sem permissão ou autorização válida, mas ressalta ser inocente em acusação de negligência e de ter colocado o voo em perigo.

Na época do acidente, o jogador estava se transferindo do Nantes, da França, para o Cardiff, da Inglaterra. Durante uma das viagens, o avião do modelo Piper PA-46Malibu sofreu alguns danos após o piloto, David Ibbotson, fazer manobras para fugir do mau tempo e acabou caindo no Canal da Mancha.

Segundo as investigações, Ibbotson estava com a licença para pilotar aquele tipo de aeronave e durante a noite desde 2018. O corpo de Sala foi encontrado cerca de duas semanas após o acidente.

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.