Estados Unidos anunciam contratos iguais entre homens e mulheres nas seleções de futebol

A Federação de Futebol dos Estados Unidos anunciou nesta quarta-feira (15) uma importante medida sobre os contratos para os profissionais que defenderão a seleção nacional que há muito tempo era aguardada. A partir de agora, os vínculos de homens e mulheres serão os mesmos, com igualdade nos valores.

“Esta proposta garantirá que os jogadores das seleções masculina e feminina permaneçam entre as mais bem pagos do mundo, ao mesmo tempo que fornece uma estrutura de compartilhamento de receitas que pode permitir a todas as partes começar de novo e compartilhar coletivamente a oportunidade de investimento no futebol americano”, diz parte do comunicado.

O comunicado oficial da entidade deixou claro que as propostas do novo acordo coletivo de trabalho já estão à disposição para as associações que representam os jogadores da seleção norte-americana.

O pedido de igualdade salarial é feito há muitos anos, principalmente pelas jogadoras da seleção feminina dos Estados Unidos. A federação ainda convocou as seleções para discutir as diferentes premiações oferecidas pela FIFA por conquistas em campeonatos mundiais.

“A federação mais uma vez convocou os jogadores de ambas as associações a se unirem para encontrar uma maneira de igualar o prêmio em dinheiro da Copa do Mundo da FIFA. O futebol americano não concordará com nenhum acordo coletivo de trabalho que não dê o passo importante de igualar esse pagamento”, declarou a federação.

Por fim, a federação declarou que a nova medida apresentada é considerada a “melhor decisão para todos, e também para o futuro do esporte no país”.

Crédito imagem: Getty Images

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

 

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.