Jovem Pan na TV: novo player no esporte?

A Rádio Panamericana, inaugurada em 1944, foi a primeira empresa do Grupo Jovem Pan que hoje conta com mais de 100 emissoras de rádio (maior rede de rádio do Brasil em número de afiliadas e em quantidade de ouvintes), plataforma multimídia Panflix e prepara-se para ganhar a TV como o News Jovem Pan.

O canal do Grupo Jovem Pan não tem data certa divulgada para estreia, mas ocupará o no canal 24, em São Paulo, parabólica, pacotes de TV a cabo, YouTube, Amazon Fire Tv, Pluto TV e no streaming próprio, o Pan Flix.

Dedicado 24 horas à notícia, a News Jovem Pan competirá diretamente com Band News, Globo News, Record News e CNN. Não é a primeira vez que a Jovem Pan chega à TV, já que em 1991, foi ao ar no canal 16 UHF de São Paulo a TV Jovem Pan que acabou extinta alguns aos depois.

Entretanto, esta experiência em nada tem a ver com a atual TV da Jovem Pan. À frente do projeto estás o genial Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, o Tutinha que, entre várias empreitadas de sucesso, é o criador do Pânico e tem conduzido a emissora ao futuro de forma extremamente inovadora.

Graças ao Tutinha, a Jovem Pan inovou com a transmissão de imagem de seus programas de rádio pela internet e o “Pânico na TV” explodiu e chegou a ganhar da toda poderosa Globo aos domingos.

Observando-se os últimos passos da Jovem Pan percebe-se que os passos estão sendo dados com bastante cuidado e profissionalismo. Inicialmente, alguns programas da rádio passaram a ser transmitidos ao vivo pelo Youtube, depois viu-se melhora nos cenários, figurino e maquiagem, adaptando-se os programas de rádio para exibição de imagem. Por fim, foi criada a plataforma de streaming “Pan Flix” para compilar todo esse conteúdo.

Com o estrondoso sucesso, a Jovem Pan tem quase 40 milhões se inscritos em seus canais e tem obtido audiência superior a TVs abertas. A criação de um canal linear foi consequência.

Das 24 horas de transmissão, pelo menos 8 serão compostas por programas já conhecidos como “Jornal da Manhã”, “Três em Um “, “Morning Show” e “Pânico”.

Onde entra o esporte?

A Rádio Jovem Pan tradicionalmente transmite jogos de futebol e, apesar de não possuir os direitos de transmissão da imagem, inovou com a exibição de imagens dos narradores e comentaristas nos seus canais do YouTube. Foi um sucesso de audiência, inclusive, copiado pelas demais rádios.

Assim, a nova emissora pode levar para a TV a transmissão de partidas de futebol sem as imagens do jogo e, até mesmo, entrar na disputa pelos direitos de transmissão de competições esportivas.

O cenário de transmissões esportivas e a forma de consumir entretenimento está em constante mudança e o Grupo Jovem Pan já mostrou que sabe exatamente o que e como fazer. A concorrência que se cuide.

Com isso ganham o público, o mercado publicitário, os profissionais do jornalismo e o esporte.

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.