Transferência de Cristiano Ronaldo da Juventus para o Manchester United passa a ser investigada por justiça italiana

A transferência do atacante Cristiano Ronaldo da Juventus para o Manchester United, realizada em agosto deste ano, passou a ser analisada pela justiça italiana. O clube de Turim, centro das investigações das autoridades do país por conta de irregularidades fiscais em diversas negociações, informou nesta sexta-feira (3) que foi alvo de novas buscas e apreensões. A informação foi revelada pelo jornal português ‘O Jogo’.

“A Juventus recebeu um novo mandado de busca e apreensão com base nas investigações do procurador do Tribunal de Turim, bem como em relação a alguns dos seus representantes (Andrea Agnelli, Pavel Nedved, Stefano Cerrato e Cesare Gabasio)”, informou o clube, em comunicado oficial.

O clube ressaltou que a investigação se dá “em relação ao valor econômico na transferência do jogador Cristiano Ronaldo”.

Essa é a primeira vez que o nome do astro português é citado nas investigações que apura irregularidades em transferências da Juventus entre 2019 e 2021. O Lei em Campo explicou o caso e ouviu especialistas sobre o que poderá acontecer com o clube italiano se forem comprovadas as ilegalidades.

Anteriormente, o clube de Turim já havia sido alvo de buscas e apreensões em sua sede.

Crédito imagem: Juventus

Nos siga nas redes sociais: @leiemcampo

Nossa seleção de especialistas prepara você para o mercado de trabalho: pós-graduação CERS/Lei em Campo de Direito Desportivo. Inscreva-se!

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Últimas Notícias

Colunas

Seções

Assine nossa newsletter

Toda sexta você receberá no seu e-mail os destaques da semana e as novidades do mundo do direito esportivo.